Bandeira se emociona em despedida do Flamengo

O presidente Eduardo Bandeira de Mello encerrou o ciclo de seis anos no comando do Flamengo. O dirigente se emocionou em seu discurso de despedida e desejou sorte ao novo mandatário, Rodolfo Landim.

Ao longo do tempo, por algum motivo, esse clube passou a ter muita importância na minha vida. O amadurecimento não trouxe ponderação a esse sentimento contagiante, só aumentou com o crescimento da família. Encontrei um grupo de pessoas que foi muito importante para mim. Não me cabe dizer o que foi feito. Deixo para quem me colocou aqui a avaliação. O que garanto é que deixamos o nosso melhor, sempre pelo melhor para o Flamengo. Fizemos tudo o que esteve ao nosso alcance, sem qualquer tipo vaidade e sem qualquer interesse que não fosse o bem do Flamengo. Exatamente como aprendi com meus pais. Encerrado o meu ciclo, me despeço e desejo muito sucesso ao presidente Rodolfo Landim e à nova diretoria. O sucesso de vocês será o sucesso do Flamengo, que é a minha paixão incondicional. Viva o Flamengo – disse Bandeira.

 

Bandeira – Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

 

O novo presidente rubro-negro, Rodolfo Landim, elogiou a postura de Eduardo Bandeira de Mello após as eleições, principalmente para que fosse realizada a transição.

– Queria agradecer ao presidente Eduardo (Bandeira). Logo depois da eleição ele me procurou e disse que estaria com as portas abertas para que fizéssemos um processo de transição legal dentro do clube. E estamos nesse processo. Estão nos ajudando muito, pensando grande, pensando no Flamengo – disse Landim em seu discurso de posse.

LEIA TAMBÉM:
Vitinho aposta em crescimento do seu futebol pelo Flamengo em 2019
Com futuro indefinido, Gabigol reitera vontade de jogar pelo Flamengo
Presidente do Flamengo explica a escolha por Abel Braga: ‘vencedor’
Flamengo poderá ser auditado por Big Four e especialista diz: ‘será exceção da exceção’

Foto: Divulgação 

Deixe um comentário