D’Alessandro elogia a conduta de Leandro Damião com o Inter e lamenta saída: “A gente perde”

Em coletiva nesta sexta-feira em evento do jogo beneficente Lance de Craque, que ocorre neste domingo, o meia colorado Andrés D’Alessandro falou sobre a saída de Leandro Damião do Inter e enalteceu a conduta do centroavante nos últimos dois anos.

O argentino lembrou que Damião deixou o Flamengo em 2017 para ajudar o Inter no pior momento de sua história durante a Série B.

“A gente perde (com a saída dele). Sempre que sai um jogador importante, identificado com o clube e artilheiro, a gente perde. Não tem como não falar isso. Infelizmente existem fatores decisivos. Mas a gente fica feliz por ele ter voltado. Voltou para jogar uma Série B. Ele poderia de repente ter ido para um outro clube, ou ter ficado tranquilo. Ele foi muito importante nessa caminhada e nesse ano também. Desejamos o melhor e ele sabe que as portas do clube estão sempre abertas”, comentou D’Ale.

Apesar do esforço da diretoria colorada em mantê-lo, Damião aceitou uma proposta mais lucrativa do Kawasaki Frontale, do Japão.

Na despedida, deixou uma mensagem emocionada aos colorados nas redes sociais:

“Torcedor Colorado! Inter! É momento novamente de me despedir de vocês. Posso dizer que faço parte do Celeiro de Ases do Clube. Iniciei no Inter em 2009. Veio 2010, 2011, 2012, 2013, com muitas alegrias e glórias! Em 2014 busquei novas metas, algumas com sucesso, outras nem tanto, como é a vida. Me fortaleci. Nesta trajetória, em 2017 retornei ao Clube no seu pior momento. Não poderia deixar de estar aqui. Fiz imenso esforço para estar junto ao Clube, este que já é também minha família. 
Dei minha alma dentro de campo, junto de meus companheiros, e a incansável direção e funcionários do clube. Alcançamos nossos objetivos e tivemos um 2018 contrariando a maioria dos prognósticos. Sou hoje um dos 10 maiores artilheiros de toda a história do clube. Não faltou esforço por parte da atual gestão do clube para que pudéssemos estar juntos em 2019, ano que certamente será de novas glórias ao Colorado. Mas na minha vida jamais fugi de novos desafios, novos horizontes…e não foi diferente neste momento. Se minha marca e suor foram deixados novamente no Clube, Inter, torcedor colorado, podem ter certeza que, também, carrego comigo a marca do símbolo e a cor desta camisa no coração e na alma.

Inter, sempre estarei contigo!”, escreveu Damião.

Deixe um comentário