Em tom de despedida, Dorival analisa segunda passagem pelo Flamengo

Com o título do Brasileirão decidido, as atenções no Flamengo se voltam para as eleições presidenciais do dia 08 de dezembro. Como a preferência dos dois candidatos favoritos são outros técnicos, Dorival deve ser despedir do clube contra o Atlético-PR.

O treinador analisou a trajetória do Rubro-Negro em 2018, garantindo que o clube está no caminho certo para conquistar títulos.

– É o recorde de pontos do Flamengo em Brasileiros. Isso mostra a força desse grupo, que se entregou ao máximo. É natural que o vice campeonato não seja valorizado, mas internamente temos que valorizá-lo. O Flamengo está preparado para ganhar. Podem aguardar. Daqui a pouco vamos ver como esse trabalho está dando base para conquistas futuras. 

Dorival também destacou a luta da equipe pelo título até a reta final do Campeonato Brasileiro, elogiando os jogadores.

– O Palmeiras fez uma competição impecável. E o Flamengo foi atrás. Isso tem que ser exaltado. O time não caiu o nível e esteve sempre muito próximo. Num todo, o Flamengo fez um grande trabalho. Uma equipe vibrante, guerreira. Tudo vai acontecer no seu tempo. Sempre fizemos jogos muito consistentes. O time sempre mostrou muita gana. Acabou não acontecendo. Mas saímos com uma equipe muito fortalecida. O Flamengo está preparado para alcançar títulos.

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

 

Após comandar o Flamengo por 11 jogos, conquistando sete vitórias, três empates e com apenas uma derrota (aproveitamento de 72,2 %), Dorival falou do futuro com tom de despedida.

– O futuro a Deus pertence… Primeiro tenho que agradecer por ter voltado a um clube como o Flamengo. Poucos profissionais têm essa oportunidade. Abri e finalizei o mandato do presidente Eduardo Bandeira. As coisas acontecem de forma natural. Vim consciente do contrato que fiz, me doei, dei o meu melhor. Nos entregamos de corpo e alma. Fico tranquilo.

Nos bastidores da Gávea, o nome de consenso entre situação e oposição para assumir como técnico do Flamengo em 2019 é Renato Gaúcho. Outra opção é Abel Braga.

LEIA TAMBÉM:
Paquetá fala em despedida especial do Flamengo e avisa: ‘É um até breve’
Diego não garante permanência no Flamengo para 2019
Oposição do Flamengo cogita Alexandre Mattos para diretor de futebol
Volante Souza fala da evolução do futebol no Japão e importância de Zico

Foto: Divulgação 

Curtiu essa matéria? Siga o jornalista no Twitter: Allan Abi Madi – @Allanmadi

Siga também no Facebook: Allan Abi Madi

Deixe um comentário