Médico do Grêmio atualiza a situação de Luan e atacante pode voltar só em 2019

Durante entrevista para a Rádio Grenal, o médico Paulo Rabaldo atualizou a situação médica do atacante Luan, que sofreu uma pancada no pé e apresentou um quadro de piora da fascite plantar. Na análise do médico gremista, o atleta poderia retornar aos gramados em dez dias, mas o Grêmio almeja usar o jogador só em 2019.

Ele é um atleta profissional, todos os dias existem treinamentos, impactos sobre o calcâneo, isso leva a lesões repetitivas. Estamos avaliando todos os dias, e isso é discutido exaustivamente não só entre nós médicos, mas com os fisioterapeutas, preparadores físicos e inclusive com o Renato, para ver qual a melhor conduta, se é retirá-lo ele até o fim do ano, e fazer um tratamento que ele comece a temporada bem, ou de acordo com a melhora, recolocá-lo em campo”, diz.

Por conta do problema crônico do atacante, o médico gremista recorreu a outro especialista para realizar um novo diagnóstico do atacante: “Quanto ao diagnóstico, não temos dúvida. Queríamos uma segunda opinião para saber se não teria alguma outra coisa, às vezes uma cabeça de fora dá uma alguma outra opinião. Mas não houve nenhuma novidade. O que se faz é o que está sendo feito”, afirmou o médico do Tricolor Gaúcho.

O último jogo do atacante com o Grêmio foi no dia 14 de outubro no revés para o Palmeiras, em São Paulo, em jogo válido pela Série A do Brasileirão. No duelo contra os paulistas, Luan chegou a ser sacado pelo técnico Renato Gaúcho por conta da lesão muscular.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Deixe um comentário