Odair vê “falta de respeito” em confusão com jogadores e profissionais do Botafogo

Normalmente contido e calmo à beira do campo, o técnico colorado Odair Hellmann esteve envolvido em uma confusão com profissionais e jogadores do Botafogo após a vitória carioca por 1×0 no Engenhão, neste domingo, pelo Brasileirão.

Após a partida, Odair, em sua coletiva, falou em “falta de respeito” por parte dos rivais, mas não quis citar nomes:

“Eu só acho que nós profissionais temos que ter uma relação de respeito quando ganha ou quando perde. Quando falta com respeito contra o profissional. Já há uma tensão no ambiente, quando passa um pouco do ponto, principalmente de pessoas que você conhece, aflora um pouco. Ficou dentro de campo. Eu fui falar essas coisas. Que a gente tenha respeito, que saiba ganhar, saiba perder, respeitando sempre o adversário. Do Botafogo, não (faltou respeito). É uma instituição. De algumas pessoas. Ponto. Não posso generalizar. Nós sabemos quem são. Tudo já acabou. Não foi por isso que perdemos”, disse.

Sobre o jogo em si, o treinador admitiu que o primeiro tempo do Inter foi abaixo da média, mas já tratou de mirar o jogo da próxima quarta, em casa, contra o Atlético-MG.

“Não conseguimos fazer um bom primeiro tempo. Mas o Botafogo não criou muitas situações, conseguiu gol no finalzinho. No segundo tempo, quando a gente buscou variações para buscar o empate, a gente abriu um pouco mais e acabou dando o contra-ataque. Aí, criaram situações claras para vencer de mais. O que cabe agora é continuar. Campeonato tem três jogos. Tudo está em aberto. Parece que o Inter está em 13º. Estamos em terceiro. Perdemos, é duro? É. Não gostamos de perder. Quem vai ter que pagar esse preço é o Atlético-MG”.

Com a derrota, o Inter caiu do 2° para o 3° lugar com 65 pontos.

Deixe um comentário