Premiado, Cuesta vibra com grande momento no Inter: “Muito bom estar aqui”

A segunda-feira foi recompensadora para o zagueiro Víctor Cuesta. Durante a tarde, ele foi premiado com a presença na seleção Bola de Prata do Brasileirão, uma organização anual dos canais ESPN. À noite, o argentino figurou na seleção oficial do campeonato promovida pela CBF.

“Feliz pela premiação que recebi hoje em São Paulo. Feliz pelo ano que o Inter teve, que nós fizemos dentro de campo e fora. A união do grupo. E agora estar aqui também é uma honra, então espero para ver se serei premiado. Mas só de estar aqui já me deixa muito contente”, afirmou.

Cuesta relembrou o início difícil no Inter, já que chegou justamente no ano inédito da disputa da Série B em 2017:

“Recebi uma mensagem em que dizia que fui muito homem quando escolhi o Inter na pior fase de sua história. Eu aceitei o desafio. Eu vim porque eu sabia o que podia acontecer no futuro. Hoje se encontra na Série A e com uma vaga para a Libertadores. É para isso que eu vim. Primeiro, eu sabia que tinha que sofrer um pouquinho, mas é muito bom estar neste grande clube”, relembrou.

No Bola de Prata, o Inter também esteve representado por Rodrigo Dourado. Na seleção da CBF, Cuesta e Dourado ganharam a companhia do goleiro Marcelo Lomba.

Deixe um comentário