Presidente diz que o Grêmio vai exercer a compra de meia que pertence ao Cruzeiro

De olho em 2019, a diretoria do Grêmio concentra suas forças para exercer a compra dos direitos econômicos do meia-atacante Thonny Anderson, que pertence ao Cruzeiro. A informação foi confirmada pelo presidente Romildo Bolzan, em entrevista para a Rádio 98, de Belo Horizonte.

Nós vamos exercer, sim. A princípio, estamos exercendo sim a preferência pelo jogador“, diz o mandatário do Tricolor Gaúcho em poucas palavras.

Publicamente os valores das negociações não foram divulgados pelos clubes, mas a principio giram entre R$ 500 mil e R$ 1 milhão para adquirir os direitos econômicos do jovem meia ao Cruzeiro. Em 2018, o meia realizou 32 jogos e marcou cinco gols com a camisa do Grêmio.

Depois da compra do meia-atacante Thonny Anderson, o Grêmio ficará com 50% dos direitos econômicos do meia-atacante e o Cruzeiro terá 20% dos direitos do atleta. Já os outros 30% pertencem ao grupo que trabalha com o jovem atleta tricolor.

No Grêmio, a diretoria ainda não definiu como será o tempo de contrato de Thonny Anderson. O jovem atleta é oriundo da categoria de base do Cruzeiro, chegou a ser observado nos profissionais da Raposa e veio para o Tricolor Gaúcho em uma negociação que levou o lateral Edilson para o Cruzeiro.

Foto: Lucas Uebel/Site Oficial do Grêmio

Deixe um comentário