Satisfeito, Odair Hellmann vê “missão cumprida” em classificação direta do Inter à Libertadores

Por várias rodadas do Brasileirão, o Inter chegou a flertar com o título. Mas a soma de alguns tropeços inesperados com o súbito crescimento do Palmeiras impediu que o sonho do tetra virasse realidade. No final das contas, o sentimento é de “missão cumprida” após a classificação direta à fase de grupos da Libertadores de 2019.

A vaga matemática no G-4 foi sacramentada neste domingo depois da vitória por 2×0 sobre o Fluminense, com dois belos gols do atacante uruguaio Nico López. Em entrevista coletiva pós-jogo, o técnico colorado Odair Hellmann se mostrou satisfeito com a temporada do Inter:

“Missão dada é missão cumprida. Nós brigamos pelo título do Brasileirão faltando três rodadas. Era isso que tínhamos que fazer. Se você não consegue ganhar, vamos atrás das metas. (A campanha) Representa muito. Não veio o título, mas a campanha foi excelente e todos merecemos essa vaga direta. Estou muito feliz”, vibrou o treinador.

Titular na reta final da campanha, D’Alessandro fez elogios a Odair e disse que “aprendeu muito” durante 2018, quando conviveu com a inédita situação de ser reserva do time em boa parte do campeonato.

“Tenho que dar o exemplo. (Estou com) 37 anos, uma situação diferente. Aprendi muito esse ano com o Odair, mesmo sendo o primeiro trabalho dele. Temos que entender que há outro colega. O time encaixou muito bem. O Inter mostrou ao longo do campeonato. Coletivamente, se mostrou muito forte e, por isso, estamos todos de parabéns”.

No domingo que vem, o Inter fecha o ano contra o Paraná, fora de casa.

 

Deixe um comentário